Religadores da NOJA Power alimentam novo Centro de Pesquisa de Redes Elétricas de £12.5 milhões

O Centro de Demonstração de Redes de Energia (PNDC) foi inaugurado em 15 de maio de 2013, pelo Primeiro Ministro Alex Salmond, que disse: “Este é um verdadeiro centro de pesquisa de primeira linha, e é o primeiro do gênero na Europa, claramente reforçando que a Escócia é pioneira no que se refere a novas idéias, novas soluções e novas práticas que nos ajudarão a atingir as demandas energéticas do futuro.”

Comunicado de imprensa

Junho 2013
Religadores da NOJA Power alimentam novo Centro de Pesquisa de Redes Elétricas de £12.5 milhões

Religadores da NOJA Power alimentam novo Centro de Pesquisa de Redes Elétricas de £12.5 milhões.

As tecnologias de Smart Grid Smart estão se tornando cada vez mais importantes, à medida que caminhamos em direção a uma economia com baixos níveis de carbono, ajudando a reduzir o desperdício energético e permitindo que casas e empresas gerem sua própria energia renovável.

O PNDC é um edifício de 900 metros quadrados, localizado em Cumbernauld, construído em resposta à crescente demanda por energia segura, confiável e ecológica. Ele utiliza um mini sistema de energia elétrica que pode ser isolado da rede pública para testar novas tecnologias.

Como fornecedora aprovada pela Scottish Power, a NOJA Power teve grande prazer em ser selecionada para fornecer os Religadores de 11kV para postes que serão utilizados para alimentar o complexo e garantir flexibilidade de abastecimento.

O PNDC é um consórcio celebrado entre a Universidade de Strathclyde, a Scottish Power, a Scottish & Southern Electricity, a Scottish Enterprise e a Scottish Funding Council. O complexo faz parte da Estratégia Escocesa de Smart Grid, lançada pelo Primeiro Ministro em 2012, que busca transformar a Escócia em um fornecedor pioneiro de tecnologia de “smart grid”, para melhorar a eficiência de distribuição energética.

O Centro abrigará pesquisadores, engenheiros e especialistas da indústria que conduzirão novas pesquisas e desenvolverão novas tecnologias neste setor, desde esquemas avançados de controle de grid até sistemas de sensoriamento inteligente.

Frank Mitchell, CEO da Scottish Power Energy Networks, disse que “O PNDC é um complexo de estado-da-arte, que desempenha um papel importante no incentivo à inovação e desenvolvimento do Smart Grid demandado no século 21. Smart Grids permitirão que muito mais clientes instalem geração distribuída, consumam veículos elétricos, reduzam emissões de carbono e que nós melhoremos os serviços para os nossos clientes”.

“Nós estamos às vésperas de executar o maior aprimoramento nas nossas redes elétricas em mais de meio século – que envolverá bilhões de libras em investimento e criará milhares de empregos. Parcerias como o PNDC são parte vital dos planos da indústria de energia para assegurar que os investimentos atinjam a futura demanda dos nossos clientes na Escócia e em toda Grã-Bretanha.”